Página Inicial
siga-nos:  

Para visualizar as imagens rotativas tem que instalar o leitor de flash, clique aqui.
Infinite Menus, Copyright 2006, OpenCube Inc. All Rights Reserved.
Agenda de Eventos
Categorias
01 de Dezembro a 31 de Dezembro
  Exposição do Centro de Interpretação Ambiental (CIA)
Todos os Eventos
Agenda Cultural

Página dos Espaços Ciência Divertida:


Zona Húmida de Importância Internacional


Prémio Novo Norte:


Aceda ao:

 
Rota do Solar

Características Gerais:

Distância aproximada: 9,1 km.
Duração aproximada: 4h15 min.
Tipo de percurso: circular de pequena rota.
Grau de dificuldade: baixo.
Partida/chegada: Centro de Interpretação Ambiental.

Ortofotomapa (PDF | 5 mb) faça aqui o download do mapa da Rota do Solar

solar

barra1 Rota  .:.  barra2 Limite das LBSPA

Descrição:

Do Centro de Interpretação Ambiental seguindo pelo Percurso do Rio até à Ponte da Freixa e posteriormente pelo Percurso II, encontramos a Ponte de Esteiro. Terá sido construída durante os séculos XVI ou XVII e possui dois arcos de volta quase perfeita. Regressando ao cruzamento podemos observar um moinho relativamente recente, construído algures entre os séculos XIX e XX. Questionamos se alguma vez conseguiu dar grande rendimento, uma vez que a força da água que o faria trabalhar não existe atualmente. Talvez disso tenha resultado o seu abandono.

Seguimos até Bertiandos e vemos o milário que está no quintal do solar de Bertiandos, porém não é este o seu local original: "este padrão estava enterrado no campo de Santo Amaro, perto daquela vila [Ponte de Lima],e no ano de 1641 foi mandado trazer para Bertiandos. O seu transporte levou a Câmara de Ponte de Lima a obrigar o fidalgo a assinar uma escritura de responsabilidade pelos danos que pudesse causar na ponte. Em 1795 foi constituído o Couto de Bertiandos e o milário foi colocado. Junto à cadeia, para funcionar como pelourinho, sofrendo as necessárias alterações no topo do cilindro.

Com a extinção do Couto em 1835, o pelourinho, deixa de ter funções e é mais uma vez o senhor da casa de Bertiandos que o recolhe para o seu quintal, onde ainda hoje se encontra. O atual Solar de Bertiandos é um dos ex-libris do Norte do país, não só por possuir uma torre erigida em 1566 por Inês Pinto mas também, por ter dois corpos acrescidos para cada um dos lados, fruto dos dois vínculos instituídos pela viúva do segundo senhor de Bertiandos, Inês Pinto, aos seus dois filhos.

Em 1706 era descrito "S. Salvador de Bertiandos, Abbadia q alternativamente apresentão os senhores dos dous Morgados..." e que a determinada altura um deles era "não só da Casa, & Morgado de Bertiandos, mas da Casa de Pentieiros..." Poderíamos avançar que estas famílias que habitavam as grandes casas referidas seriam detentoras dos muitos terrenos férteis da Veiga.

Seguimos agora para Sã, freguesia vizinha. Subimos até ao Senhor da Saúde pelo parque de merendas até ao cruzeiro com a inscrição 1613 na base. Do lado direito encontramos a entrada para a casa de Sá (propriedade privada) com a Inscrição MANDOU FAZER DVIOLPREBROBARROS CAZADA CÔ TRISTÃO PREDÃ DE AZEVEDO ANNO DOMINI.1714. Aqui nasceu o Conde da Barca, ministro de D. João VI. Em frente ao portão deste solar está a Igreja do Senhor da Saúde com elementos arquitetónicos muito variados, denunciando a construção do século XX.

Entramos novamente na área protegida, pelo lugar de Louredo, onde existem vestígios de uma ocupação tardo romana, atestados pela presença de tégulas [telhas de fabrico romano/medieval]. É um espaço destinado a futuras Intervenções arqueológicas.

 
Palavras chaves
voltar
Imprimir Imprimir Enviar Enviar Partilhar
topo
 
Notícias relacionadas:
Percurso de Plantas Aromáticas e Medicinais na Área Protegida | 19.06.2012
 
 
 
Avisos
Categorias
18 de Novembro
  Governo prolonga período crítico de incêndios até 23 de novembro
16 de Novembro
  Pequenos Investimentos na Exploração Agrícola
07 de Novembro
  Governo volta a prorrogar período crítico de incêndios
07 de Novembro
  Proibição de produção e comercialização de plantas de citrinos no interior da zona demarcada
03 de Outubro
  Freguesia de Estorãos - Obrigatoriedade de poda e tratamento de citrinos infestados com a psila africana dos citrinos, Trioza erytreae (Del Guercio)
Todos os Avisos
Notícias do Município
Inauguração da exposição ?Casas com história ? Vinhos de Excelência: Quinta de Paços e Casa do Capitão-mor? | 15 de dezembro de 2017 às 18h00
publicada em: 12.12.2017

Estará patente no Centro de Interpretação e Promoção do Vinho Verde, a partir do dia 15 de dezembro de 2017 até 30 de maio de 2018, a exposição temporária Casas com história – Vinhos de Excelência: Quinta de Paços e Casa do Capitão-mor.

Nesta exposição o destaque vai para os vinhos produzidos há já 500 anos na Quinta de Paços, sita em Barcelos, e na Casa do Capitão-mor, em Monção, e que têm vindo a somar diversos prémios de grande prestígio desde 1877, altura em que o vinho da Casa de Paços recebeu, em Filadélfia, um dos primeiros prémios internacionais atribuído a vinhos da Região dos Vinhos Verdes.

Atualmente a família e as propriedades estão representadas por D. Maria do Carmo Azevedo da Fonseca Matos Graça e pelo Dr. José Bento da Silva Ramos.

Trata-se apenas da primeira edição de um conjunto de exposições que visam dar a conhecer as casas e quintas cuja história esteve desde sempre ligada à produção de Vinho Verde de excelência.

A inauguração, que terá lugar no dia 15 de dezembro de 2017, às 18h00, no Centro de Interpretação e Promoção do Vinho Verde, culminará com uma prova comentada.

ULSAM promove recolha de sangue em Ponte de Lima
publicada em: 12.12.2017

O Serviço de Imunohemoterapia da Unidade Local de Saúde do Alto Minho, EPE (ULSAM), promove sexta-feira, dia 22 de dezembro, uma campanha de recolha de sangue. A ação acontece na Unidade Local de Saúde de Ponte de Lima, a partir das 9h30, e visa garantir à ULSAM e a todos os residentes no distrito de Viana do Castelo o apoio e a auto suficiência em transfusões.

Podem doar sangue todas as pessoas com bom estado de saúde, com hábitos de vida saudáveis, peso igual ou superior a 50 quilos e idade compreendida entre os 18 e 65 anos. Para uma primeira dádiva o limite de idade é aos 60 anos.

A ULSAM promove estas ações por todo o distrito ao longo do ano, o que tem permitido um stock de sangue suficiente para as necessidades dos utentes do distrito.

Consulte:

Folheto informativo

Conselhos gerais

VII Festival do Bacalhau e Doçaria (mel e sidra) | Abertura, dia 8 de dezembro | Pavilhão de Feiras e Exposições ? Ponte de Lima
publicada em: 07.12.2017

Considerada como uma das iguarias mais apreciadas e procuradas da gastronomia limiana, o Município de Ponte de Lima organiza mais uma edição do certame dedicado ao bacalhau, por forma e dinamizar e impulsionar um dos elementos chave da cozinha tradicional da região. Seja na forma de petisco ou numa elaborada refeição, o bacalhau é rei e senhor nas mesas de todos os limianos.

Presença obrigatória nas famosas tasquinhas d’outrora da feira quinzenal é ainda hoje um dos produtos mais procurados e mais comercializados da ‘Feira de Ponte’, por todos aqueles que a ela se dirigem para feirar.

Chegada a época natalícia, o VII Festival do Bacalhau e Doçaria (mel e sidra), ganha maior destaque pela elevada procura por parte do público e, como consequência, pela cada vez maior oferta por parte dos comerciantes. Quem visitar o festival pode ainda encontrar mel, sidra, licores, chocolates, bolos e outras especialidades tipicamente limianas e que bem representam a riqueza da gastronomia da região.

O VII Festival do Bacalhau e Doçaria (mel e sidra) dá as boas vindas a dezembro e antecipa o Natal, com muita animação e sabor desde showcookings, provas de degustação, música popular e fados de Coimbra. Destaque para a apresentação, na sexta-feira, dia 08, da peça de artesanato “Vaquinha Minhota” e do lançamento do conto infantil “Rosália, a Princesa do Lima”, da autoria da artesã limiana, Nélia Saraiva. No dia 09, sábado, destaque para a primeira edição do ‘Concurso do Bolo Rei de Ponte de Lima’ e para o desfile “Há Moda em Ponte de Lima”, pela Associação Empresarial de Ponte de Lima. No dia 10, domingo e último dia do festival, o destaque vai para as provas de degustação, nomeadamente de Sidra, produto em franco crescimento em Ponte de Lima.

O Festival do Bacalhau e Doçaria (Mel e Sidra) realiza-se de 08 a 10 de dezembro, no Pavilhão de Feiras e Exposições da Expolima, em Ponte de Lima, e é um evento a não perder, destinado a toda a família.

A 7.ª edição do Festival do Bacalhau abre ao público esta sexta-feira, às 15 horas, antecedendo a inauguração oficial, agendada para as 18 horas.


Notícias via e-mail:

Coloque o seu email:

Copyright © 2016. Município de Ponte de Lima. Todos os direitos reservados. : Política de Privacidade e Segurança . Ficha Técnica :