Página Inicial
siga-nos:  

Para visualizar as imagens rotativas tem que instalar o leitor de flash, clique aqui.
Infinite Menus, Copyright 2006, OpenCube Inc. All Rights Reserved.
Categorias Categorias
Ambiente
Educação
Serviços
Turismo
Alojamento
Percursos e Rotas
Atividades
Agenda de Eventos
Categorias
01 de Abril a 30 de Abril
  Exposição do Centro de Interpretação Ambiental (CIA)
Todos os Eventos
Agenda Cultural

Página dos Espaços Ciência Divertida:


Zona Húmida de Importância Internacional


Prémio Novo Norte:


Aceda ao:



Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Serviços| 23 de Agosto de 2011
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Continuam a decorrer, na Quinta Pedagógica de Pentieiros, as Oficinas de verão para jovens dos 05 aos 12 anos. As oficinas, promovidas em períodos de férias escolares, pretendem proporcionar um espaço de ocupação lúdico-pedagógica dos tempos livres dos seus participantes.

Mais uma vez os encarregados de educação acorreram em massa à Quinta de Pentieiros, e as inscrições, em norma limitadas a 20 participantes por oficina, foram, este ano, rapidamente preenchidas. Assim, o Município e os técnicos do Serviço Área Protegida fizeram o grande esforço de aumentar as vagas disponibilizadas, chegando em três períodos a admitir 40 participantes, tentando, desta forma, apoiar um maior número de famílias, tendo ainda o serviço de refeições.

Esta iniciativa do Serviço Área Protegida, integrada no Serviço Educativo, chega cada vez mais longe. À semelhança de anos anteriores, não só os jovens limianos recorrem a esta iniciativa para ocupar o seu período de férias escolares. Para além de jovens de concelhos mais próximos, como Viana do Castelo, Arcos de Valdevez ou Braga, recebemos ainda inscrições de residentes no Porto e até mesmo em Lisboa.

A primeira oficina decorreu de 04 a 15 de julho e a "Energia Positiva" reinou entre o grupo. Cada dia de oficina foi dedicado a um tipo de energia renovável, tendo sido desenvolvidas diversas atividades relacionadas com a temática. Destacam-se a construção de forno solar, papagaios e moinhos de papel, a confeção de pasta de modelagem e as atividades experimentais como a simulação de uma erupção vulcânica. Para além destas atividades foram ainda desenvolvidos alguns trabalhos de manutenção nos núcleos animal e vegetal da Quinta Pedagógica de Pentieiros, incluindo a eliminação de espécies exóticas no Parque Florestal.

A Oficina dos "Cientistas Loucos" realizou-se de 18 a 29 de julho e contou com a participação do grupo no programa da RTP "Verão Total". As atividades desenvolvidas foram dedicadas à "Ciência" e basearam-se em diversos temas, como o Corpo Humano, as Plantas, a Energia, entre outros. O grupo participou ainda ativamente no dia a dia da quinta, realizando trabalhos de limpeza e manutenção das boxes dos equinos, por exemplo, e realizando algumas experiências 'culinárias'. Uma das atividades mais destacada neste e em outros períodos de oficina são os resfrecantes jogos aquáticos nas piscinas ao Ar Livre da Quinta de Pentieiros.

Seguiu-se a Oficina da "Bicharada", de 01 a 12 de agosto. Nesta oficina, e após terem escolhido o seu animal preferido, os participantes puseram 'mãos à obra' e confecionaram eles próprios uma almofada com a representação desse animal. Para além desta atividade, destacam-se a visita à Área Protegida num contacto muito direto com a natureza e onde puderam observar animais e plantas característicos de zonas húmidas. A convite do pintor e autor do projeto "Arte na Leira" - Mário Rocha, o grupo visitou ainda a Serra de Arga e participou nesta galeria de arte, pintando azulejos com a mais diversa 'Bicharada'. Por último, destaca-se o passeio de canoa pelo rio Lima, momento de grande descontração, amizade e muita brincadeira.

Desde o dia 16 e com término na próxima Sexta-feira, dia 26 de agosto, decorre a Oficina "H2O", seguindo-se a Oficina "Carvalhos na Floresta"de 29 de agosto a 09 de setembro que termina o ciclo de oficinas de verão 2011.

 Veja aqui algumas imagens das atividades desenvolvidas:

           Oficina da "Energia Positiva" - 04 a 15 de julho

           Oficina dos "Cientistas Loucos" - 18 a 29 de julho

           Oficina da "Bicharada" - 02 a 12 de agosto

 

Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Oficinas de verão na Quinta de Pentieiros
Palavras chaves
voltar
Imprimir Imprimir Enviar Enviar Partilhar
topo

 

Mais notícias da categoria: Serviços
Aviso: Parque de Campismo encerrado de 13 a 16 de abril | 13.04.2017
Oficina de Páscoa | 03 a 05 de abril de 2017 | 12.04.2017
Oficinas de Páscoa 2017 | 14.02.2017
Oficinas de verão - 22 a 26 de agosto | 01.09.2016
Oficinas de verão - 18 a 22 de julho | 01.08.2016
 
Avisos
Categorias
22 de Março
  Candidaturas ao Pedido Único (PU)
13 de Dezembro
  Freguesia de Estorãos - Obrigatoriedade de poda e tratamento de citrinos infestados com a psila africana dos citrinos, Trioza erytreae (Del Guercio)
28 de Novembro
  Inspeção Obrigatória dos Pulverizadores para Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos
24 de Novembro
  Limpeza de cursos de água
Todos os Avisos
Notícias do Município
Município de Ponte de Lima dinamiza atividades nas Bibliotecas Escolares do concelho
publicada em: 21.04.2017

Os estabelecimentos escolares do concelho de Ponte de Lima, desfrutaram de mais sessões de promoção do livro e da leitura, através do projeto Escutar, ler… imaginar e aprender, desenvolvido pela Biblioteca Municipal.

"A viagem da sementinha", da autoria de Maria Isabel Loureiro, foi a história escolhida para sensibilizar os mais novos e apelar para a importância da preservação da natureza e da defesa do meio ambiente, enriquecida com momentos musicais.

Esta atividade foi dinamizada ao longo do mês de fevereiro e março, com um total de 30 sessões, nos estabelecimentos de ensino do 1.º ciclo de Ensino Básico da Ribeira, da Facha, de Refoios, da Feitosa, de Ponte de Lima, de Arcozelo, do Trovela, de Gandra, de Vitorino dos Piães, das Lagoas, de Freixo, de Poiares, de Rebordões de Souto, do Jardim-de-infância de Ponte de Lima, e ainda no Jardim-de-infância de Calheiros, no Jardim-de-infância de Brandara, no Jardim-de-infância de Cepões, no Jardim-de-infância de Arcozelo, no Jardim-de-infância Sandiães, no Jardim-de-infância Santa Casa da Misericórdia e no Jardim-de-infância Correlhã.

Bebéteca: projeto de promoção da leitura para bebés e crianças
publicada em: 21.04.2017

No próximo dia 29 de abril de 2017 a Biblioteca Municipal de Ponte de Lima dinamiza mais uma sessão da Bebéteca para bebés, crianças e suas famílias.

Esta sessão terá início pelas 10h30, na sala infantojuvenil, com a animação da leitura "A Pequena Bailarina".

Seguidamente dinamizar-se-á o momento musical intitulado "Passarinhos a bailar".

Para finalizar a ação, desenvolver-se-á um atelier de expressão artística denominado "Bailarina".

Para mais informações e inscrições (gratuitas e limitadas) contacte-nos através do número 258900411 ou do email biblioteca@cm-pontedelima.pt.

Memórias Partilhadas | Teatro do Montemuro | 21 de Abril ? 22h00 ? Teatro Diogo Bernardes ? Ponte de Lima
publicada em: 21.04.2017

Uma Carteira Vazia, de Therese Collins
O que há na carteira de uma pessoa diz-nos muito sobre a pessoa. A escolha de uma carteira de uma pessoa diz-nos muito sobre a pessoa. Anna tem um fascínio por carteiras, não pode deixá-las sozinhas – especialmente as das outras pessoas. Se está tão fascinada por elas, por que não pode abrir a carteira da sua mãe falecida?
O Lápis, de Abel Neves
A caneta é mais poderosa que uma espada ou, no caso de Delfim, que um lápis. Com um lápis, pode-se destravar o mundo. É a espada da verdade. Pode-se transportar um navio para a segurança, pode-se tomar banho de ervas no Montemuro, pode-se colmatar uma lacuna ou esconder-se na floresta. Bem, pode-se pela mão de Delfim e com a imaginação de Delfim.
A Almofada de Penas de Cuco, de Peter Cann
Em 1966 existiam dois amigos, Adão e Fábio, que faziam tudo juntos. Em 1966 houve um Campeonato do Mundo e Eusébio agraciava o jogo. Em 1966 um dos amigos apaixonou-se. E tudo mudou. O que farias se nunca mais visses o teu único e verdadeiro amigo? O que farias para que as coisas voltassem a ser como eram antes dela chegar? O que não deves fazer é dar ao teu amigo uma almofada de penas de cuco.

textos Abel Neves, Peter Cann e Therese Collins
tradução Graeme Pulleyn
encenação Steve Johnstone
direcção musical Simon Fraser
com Abel Duarte, Eduardo Correia e Paulo Duarte
cenografia e figurinos de Sandra Neves
desenho de luz Paulo Duarte
construção de cenários Carlos Cal
assistência à construção de cenários e figurinos Maria da Conceição Almeida
direcção de produção TNSM Paula Teixeira
direcção de cena TNSM Abel Duarte
coprodução TNDM II, Teatro Regional da Serra de Montemuro
M/12 anos

Bilhetes à venda (2,00€) e mais informações no Teatro Diogo Bernardes, pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

Notícias via e-mail:

Coloque o seu email:

Copyright © 2016. Município de Ponte de Lima. Todos os direitos reservados. : Política de Privacidade e Segurança . Ficha Técnica :