Página Inicial
siga-nos:  

Para visualizar as imagens rotativas tem que instalar o leitor de flash, clique aqui.
Infinite Menus, Copyright 2006, OpenCube Inc. All Rights Reserved.
Agenda de Eventos
Categorias
26 de Junho a 01 de Setembro
  Oficinas de verão 2017
Todos os Eventos
Agenda Cultural

Página dos Espaços Ciência Divertida:


Zona Húmida de Importância Internacional


Prémio Novo Norte:


Aceda ao:



Garça-real
05 de Janeiro de 2013
Garça-real
Garça-real

A Garça-real (Ardea cinerea), da mesma família das cegonhas, é a garça mais abundante e difundida da Europa.

Possui um comprimento de cerca de 95 cm, uma envergadura de 185 cm e peso de 1,6 a 2 kg. Pode viver cerca de 25 anos. Apresenta pernas altas, pescoço longo e bico longo e afilado.

Os juvenis apresentam cores mais claras, dorso cinzento acastanhado e ventre branco raiado de negro. Não possuem penacho. Atingem a maturidade aos dois anos de idade.

Habitat
Pode ser encontrada normalmente em extensões de água doce com pouca profundidade e também em costas marítimas. Muitas vezes partilha o habitat das cegonhas.

Alimentação

Alimenta-se principalmente de peixes, mas não despreza anfíbios, répteis, pequenos mamíferos, insetos ou moluscos terrestres e aquáticos. Digere bem as espinhas mas regurgita os pelos dos roedores na forma de bolas.

Reprodução
Reproduz-se de fevereiro a julho. Nidifica normalmente em colónias, em cima de árvores, perto da água. O seu ninho é chato, em forma de plataforma, semelhante ao das cegonhas. A fêmea põe de 3 a 6 ovos muito claros. Os ovos são cobertos alternadamente pelos dois progenitores durante 25 a 28 dias. Os jovens começam a voar ao fim de 50 dias e abandonam o território dos pais ao fim de 8 a 9 semanas.

Características
Durante o voo retrai o pescoço em forma de "S". Este facto, associado ao bater de asas lento e pesado, poderá dar origem a confusão com o voo de uma ave de rapina, mas diferencia-o definitivamente das cegonhas.

Conservação
É uma espécie, que se encontra em expansão na Europa. No nosso país, a Garça-real é principalmente uma espécie invernante. As principais ameaças a esta espécie são a destruição do habitat e a perseguição humana.


 Na Paisagem Protegida

Esta ave é comum na Paisagem Protegida, é relativamente fácil de a observar nas Lagoas, no rio Estorãos e até nas veigas.

 

Fonte: Adaptado de Wikipedia

 
Palavras chaves
voltar
Imprimir Imprimir Enviar Enviar Partilhar
topo


Avisos
Categorias
16 de Maio
  Recomendações de adoção de práticas de utilização racional de água para rega
19 de Abril
  Freguesia de Estorãos - Obrigatoriedade de poda e tratamento de citrinos infestados com a psila africana dos citrinos, Trioza erytreae (Del Guercio)
22 de Março
  Candidaturas ao Pedido Único (PU)
28 de Novembro
  Inspeção Obrigatória dos Pulverizadores para Aplicação de Produtos Fitofarmacêuticos
24 de Novembro
  Limpeza de cursos de água
Todos os Avisos
Notícias do Município
I Passeio da Rota da Maçã e da Sidra | 29 de julho ? Quinta de Pentieiros
publicada em: 21.07.2017

O Município de Ponte de Lima apoia a realização do “I Passeio da Rota da Maçã e da Sidra”, um evento lúdico organizado pelas autoras da Sidra Artesanal Corrupia em parceria com a Escola Superior Agrária de Ponte de Lima.

O certame, cujo objetivo é mostrar todo o processo de produção da sidra artesanal, realizar-se-á no próximo dia 29 de julho, na Quinta de Pentieiros, em S. Pedro d’Arcos, e inclui diversas iniciativas desde uma visita à azenha, a apanha das maçãs, uma visita à quinta pedagógica e um workshop de produção de sidra. É dirigido às famílias com crianças, jovens, turistas e público que tenha curiosidade em saber mais sobre a Sidra.

Os participantes terão ainda a oportunidade de apreciar um piquenique de degustação. Para os mais novos, está prometida uma tarde muito divertida, promovida pelo Centro Aventura, que também se associa ao evento.

Programa:

  • 10h00 – Concentração na Quinta de Pentieiros
  • 10h20 – Caminhada de 1h30 (visita à azenha)
  • 12h00 - Apanha de maçãs na Quinta de Pentieiros
  • 13h00 – Piquenique de degustação
  • 15h30 – Visita à quinta pedagógica
  • 16h00 – Workshop de produção de sidra/ Atividade do Centro de Aventura

Confira o programa em www.corrupia.pt

Projeto ?Soy niño, sou criança? leva workshops à Feira do Livro de Ponte de Lima
publicada em: 20.07.2017

Os investigadores da Universidade do Minho, Grécia Rodriguez e Leonardo de Albuquerque -coordenadores do projeto “Soy niño, sou criança” -, dinamizam no próximo sábado, 22 de julho, dois workshops infantis de natureza lúdico-pedagógica. Sob o mote “ A ler o mundo com as crianças”, as sessões que se apresentam em horário duplo – 10h30 e 16h00 -, versarão sobre os conceitos da diversidade, do multiculturalismo e do respeito generalizado pela diferença através da leitura partilhada da história “O voo do golfinho”, da autoria de Ondjaki.

A atividade, que incluirá dramatizações, trabalho cooperativo e brincadeiras de sensibilização, destina-se preferencialmente a crianças entre os 7 e os 12 anos.

Visite a Feira do Livro de Ponte de Lima e faça parte do projeto “Soy niño, sou criança”.

Esperamos por si!

Escola de Música da Seara protagoniza último concerto da Feira do Livro de Ponte de Lima
publicada em: 20.07.2017

A Escola de Música da Seara – Secção da Associação Desportiva e Cultural da Seara – protagoniza o último momento musical da Feira do Livro de Ponte de Lima, no próximo domingo, 23 de julho, pelas 18h00. Uma oportunidade para apreciar jovens talentos da música local.

Visite a Feira do Livro de Ponte de Lima e assista à atuação da Escola de Música da Seara, que antecede a apresentação do livro “O que nasce torto também se endireita”, do jornalista da SIC, João Moleira.

Esperamos por si!

Notícias via e-mail:

Coloque o seu email:

Copyright © 2016. Município de Ponte de Lima. Todos os direitos reservados. : Política de Privacidade e Segurança . Ficha Técnica :